Pastores oram com congregações em miniatura: planos ousados

São Paulo, SP … [ASN] Na última terça-feira (01) todos os pastores da Associação Paulista Leste (APL) da Igreja Adventista (zona leste da capital) estiveram reunidos para o lançamento oficial do projeto “Plantando Igrejas”. Com o objetivo de plantar 30 novas congregações em 2011, os ministros ergueram as “igrejinhas” como símbolo de vitória nas atividades.

A implantação de novas igrejas se intensificou a partir de 2010 com a chegada do pastor Emilio Abdala, que assumiu o departamento de Evangelismo e iniciou atividades direcionadas desde o início do ano. O trabalho contou com a participação direta de voluntários, obreiros bíblicos, estudantes de teologia (IAENE/Unasp) e dos pastores distritais; com as ações sociais do projeto “É hora de viver!” e com o apoio da Comunicação e do site Missão Urbana.

Ao final do ano a APL havia cadastrado mais de 15 novas igrejas. O crescimento comprovou que a união do planejamento estratégico à oração e comunhão trazem êxito. Esse ano, a Igreja Adventista do Sétimo Dia na América do Sul adotou como projeto oficial para todo o território sul-americano o plantio de igrejas. Todos os pastores foram chamados à oração, comunhão e ação com o objetivo de implantar novas igrejas em todas as regiões. Serão 30 novas congregações na APL, 230 no estado de São Paulo e mais de 2 mil em toda a América do Sul. [Equipe ASN, Thiago Campossano]